1218 Visitas |  Like

Macacos japoneses vão ao “SPA”

Compartilhar Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Share on TumblrShare on LinkedIn

Outro dia assisti na televisão uma matéria sobre uns macaquinhos japoneses que sobrevivem em temperaturas baixíssimas, no Parque Jigokudani ao norte de Tóquio, no Japão. Resolvi pesquisar um pouco mais e me deparei com imagens tão fofas desses macacos, que então resolvi dividir com vocês.

2

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

0

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

4

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

1

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

3

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

Durante o inverno, o macaco japonês pode viver por meses na neve, enfrentando temperaturas de até -20ºC. Na área onde hoje fica o parque foi construída uma barragem de pedra para empoçar água quente nas montanhas, somente para que os macacos possam tomar banho. A região possui várias fontes de água natural, por se tratar de uma região vulcânica.

5

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

6

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

7

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

8

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

11

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

As piscinas naturais aquecidas são hoje um verdadeiro “spa“, mas nem todos podem desfrutar dessa mordomia e os macacos que ficam de fora precisam encontrar outras maneiras para se esquentarem. Segundo o biólogo João Paulo Krajewski, o segredo deles suportarem temperaturas tão baixas no inverno, deve-se à pelagem, que é bem forte.

2

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

3

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

4

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

6

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

9

Macacos Japonese (REUTERS/Issei Kato)

Uma fofura, não é mesmo?